Minuto Médico – Semana 16 – Síndrome Metabólico

Vídeo do Dr. Ray StrandDr. Ray Strand

Neste vídeo é relatado o estudo feito pelo Dr. Gerald Reavens, médico investigador da Universidade de Stanford, onde identifica os vários problemas que as pessoas desenvolvem quando se tornam sensíveis à sua própria insulina, levando à síndrome metabólica ou pré-diabetes.

Pré-diabetes ou síndrome metabólica

Com pré-diabetes ou síndrome metabólica, os doentes desenvolvem usualmente:
• Obesidade central
• Pressão sanguínea alta
• Aumento dos níveis dos triglicéridos
• Aumento do colesterol LDL (mau colesterol)
• Diminuição do colesterol HDL (bom colesterol)
• Alto risco de desenvolver doenças cardíacas e pré-diabetes.

As pessoas com síndrome metabólica ou pré-diabetes possuem 20 vezes mais risco de vir a ter um ataque cardíaco.

Com o tempo esta patologia leva a um envelhecimento celular, à diabetes e a problemas cardíacos graves.
A resistência à insulina é o resultado dos maus hábitos alimentares e falta de exercício, o que nos leva a ser cada vez menos sensíveis à nossa própria insulina e consequentemente a uma epidemia de obesidade e diabetes.

Necessitamos de criar novos estilos de vida que melhorem a sensibilidade à insulina com o objetivo de evitar ou reverter estes problemas.

O Dr. Ray Strand aconselha a que se trate tão “agressivamente” o estado de pré-diabético como o diabético, pois o envelhecimento das artérias começa assim que entramos neste estado metabólico anormal. E o melhor tratamento é uma mudança no estilo de vida!

2016-12-29T06:13:52+00:00 July 17th, 2013|